Evento de celebração encerra atividades do projeto Brincando com Pipas



Por Danielle Andrade
Publicado em 06/12/2019
Editado em 14/01/2020, às 14:48

97 visualizações

Para marcar o encerramento das atividades do ano, a EPG Jorge Amado, no Jardim Presidente Dutra, realizou o evento de celebração do projeto Brincando com pipas nesta quarta-feira (4). A fim de criar um ambiente mais acolhedor, a unidade escolar optou pela revitalização do espaço externo, transformado em um jardim para leitura por meio do plantio de árvores frutíferas e flores ornamentais.O evento foi aberto para a comunidade e reuniu pais e alunos.

O projeto promovido pelo Instituto EDP,em conjunto com a Evoluir e a Prefeitura de Guarulhos, está no seu segundo ano e entrando na etapa final por meio do jogo Desafio Brincando com Pipas, no qual as crianças colocam a mão na massa e transformam a escola. Os alunos tinham o desafio de promover ações que favorecessem todos dentro do ambiente escolar, além de proporcionar interação com a natureza.

“Nós sempre buscamos parceiros a fim de mobilizar e articular tanto dentro como fora da escola, pensando em como contribuir com o professor e aplicar nossa metodologia para uma educação transformadora”, destacou Jessica Daiane Augusto de Jesus, educadora da Evoluir e responsável por acompanhar as escolas de Guarulhos,aplicar programas de capacitação de educadores e analisar o desempenho do aluno ao longo do processo.

A iniciativa busca conscientizar crianças e adolescentes de escolas municipais, do 1º ao 5º ano, a brincarem com segurança, além de alertar para os riscos da proximidade com a rede elétrica.Na ocasião, os alunos mostraram o resultado dos projetos desenvolvidos por eles nas escolas ao longo do ano.Houveainda palestras de técnicos da EDP sobre prevenção de acidentes com pipas para as famílias.

2ª Mostra de Aprendizagem

A EPG Jorge Amado realizou ainda a 2ª Mostra de Aprendizagem com o objetivo de estimular a autonomia dos alunos, fazendo deles protagonistas do evento, desde a recepção aos pais até a apresentação dos trabalhos nas salas de aula. Oficinas de matemática, massinha, produção de texto, experiências e exposições diversas estavam entre as atividades apresentadas.

“Achei a experiência de participar com meus filhos muito boa, as salas que visitei foram bem interessantes e me diverti com as brincadeiras” relatou Wellington Paiva, pai dos alunos João Pedro e Ana Clara.

A mostra dirigida pelas crianças foi o resultado dos trabalhos realizados durante todo o ano letivo, dentre eles o projeto Tempos e Espaços, que vem se solidificando desde 2017 a fim de garantir ações para que os alunos avancem em sua autonomia e a garantia de aprendizagem com equidade. “O dia ficará marcado na memória dos alunos e da equipe escolar da EPG Jorge Amado com a 2ª edição da nossa mostra”, destacou a coordenadora pedagógica Luana Rebouças.

 




Outras Notícias