Programa Saberes em Casa reforça a interação entre escola e família na aprendizagem



Por Danielle Andrade
Publicado em 01/06/2020
Editado em 03/06/2020, às 17:02

2832 visualizações

Durante o período de quarentena causada pela pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura de Guarulhos tem oferecido diversos conteúdos educativos para crianças, adolescentes, jovens e adultos através do programa Saberes em Casa. A programação, exibida diariamente na TV aberta e disponibilizada no Portal da Educação para alunos da rede municipal de ensino, conta com o apoio pedagógico aos pais, alunos e comunidade.

Por meio da modalidade de trabalho remoto, gestores e professores das escolas da Prefeitura e instituições parceiras dão constantemente respaldo às famílias com as atividades realizadas pelos estudantes em casa.

Planetas do Sistema Solar, reino animal, alimentação saudável e biodiversidade são alguns dos temas apresentados no programa pelos profissionais da área da educação. Além de despertar cada vez mais o interesse e a curiosidade para o aprendizado, o conteúdo garante atividades com o objetivo de amenizar os impactos do isolamento social para alunos e famílias. Atualmente já são cerca de 15 mil inscritos do canal do YouTube do Portal SE Informe, no qual todos os episódios do programa estão disponíveis.

Apoio pedagógico

A diretora Maria Estela Graça Mello, da EPG Álvaro Mesquita, relata que o contato com os pais pelo WhatsApp é contínuo e feito através de um número específico para atendimento. “A vice-diretora, as coordenadoras pedagógicas e os assistentes de gestão escolar dão todo o apoio neste momento. Foi feita uma lista de transmissão pelo Google e todos os dias são enviadas mensagens para os pais lembrando os canais através dos quais eles podem acessar o programa Saberes em Casa. No fim da tarde são enviadas as atividades que as professoras preparam para cada turma, além de realizarmos pesquisas para saber como as famílias estão acessando o programa”, explica a diretora. Atualmente a unidade escolar atende alunos de zero a quatro anos e atinge 208 famílias.

“Depois de acompanhar o programa nós procuramos fazer o máximo das atividades propostas pela escola com as crianças”, conta Janaina Fernandes Costa Oliveira, mãe da Emanuella Aires de Oliveira, de quatro anos, e Isabella Fernandes Aires de Oliveira, de nove.

Diversas atividades interativas estão presentes na programação do Saberes em Casa, como contação de histórias, parlendas, cantigas, livros, vídeos e brincadeiras. O programa tem encantado crianças de todas as idades e motivado os professores a aprofundar e enriquecer os assuntos fazendo o uso das redes sociais. No grupo do Facebook da EPG José Maurício de Oliveira são 360 pessoas que acessam a página; já o grupo de pais do WhatsApp possui 120 participantes, que interagem diariamente com perguntas prontamente respondidas pela gestão.

“A princípio a equipe ficou ansiosa, e acredito que de forma geral todos os professores ficaram apreensivos e em dúvida sobre como seria trabalhar a distância. Então montamos um grupo de professores e funcionários da escola chamado “José Maurício Unidos” e lá organizamos as ações pedagógicas alinhadas aos saberes e aprendizagens para atender as famílias”, destaca a diretora Carmem Soares de Souza.

Acolhimento

Os professores da rede têm recebido inúmeras fotos dos alunos realizando as atividades diárias junto aos pais. Pela página do Instagram do Portal SE Informe as famílias compartilham fotos com os resultados do desafio do dia e vídeos das crianças acompanhado a programação na TV ou na internet.

Cecilia Zanotto, mãe do aluno Giovanni, da EPG Selma Colalillo Marques, parabenizou a iniciativa da Secretaria de Educação, o comprometimento dos professores e a dedicação dos pais. “Estamos muito felizes e agradecidos pelo programa Saberes em Casa. O Giovanni tem caprichado nas lições que estamos fazendo juntos, ele está eufórico em aparecer na internet e até comentou que vai montar um blog para todos darem likes e compartilhar”, contou Cecilia.

Na EPG Nadja Maria Seabra Santos, a diretora Viviany Megale ressalta que o atual momento é uma oportunidade de aproximar os pais do dia a dia das crianças. “Quando as mães têm dificuldades elas entram em contato e sanam suas dúvidas. Temos percebido cada vez mais que é possível utilizar a tecnologia a nosso favor”.

Quando o episódio do programa termina os professores colocam as sugestões de atividades no grupo e as coordenadoras pedagógicas escolhem quais delas serão compartilhadas no Facebook. Desta forma, as propostas complementares de atividades enviadas pelos professores para os educandos garantem a autonomia de cada escola no processo da aprendizagem. A unidade escolar também utiliza o grupo de WhatsApp para avisos sobre o cronograma de entrega do leite e de cestas básicas, que são oferecidos para os alunos matriculados na rede.

Para professora Gisele Bertoni, o objetivo é que as famílias sejam contempladas da melhor forma neste momento de distanciamento social, principalmente pelas crianças que sentem saudade da escola, dos colegas e professores. “Nós preparamos essas atividades pensando no material que os alunos têm em casa, nos saberes que eles vão desenvolver e no bem-estar dessas crianças, além do atendimento às famílias por meio do ambiente virtual de interação para que os filhos sejam acolhidos”, enfatiza Gisele.

Brenda Barbosa, aluna da EPG Chico Mendes, falou da saudade que sente da escola, mas enquanto não pode voltar às aulas presenciais tem estudado em casa e feito várias descobertas. “Eu assisto todos os dias ao programa, hoje mesmo aprendi sobre os golfinhos e descobri que eles são muito inteligentes”. Por sua vez, Milena Martins Malachias Alves, da EPG Olavo Bilac, falou que adora as histórias que são contadas no Saberes em Casa. “Amo todas as histórias e também gosto das professoras do programa”, elogiou. 

O programa Saberes em Casa vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 9h às 10h30. É veiculado pela TV-RS21, canal 58.1 da TV aberta, e na TV Câmara Guarulhos, no canal 7 (Net/Claro). Toda a programação é acompanhada por conteúdos de Libras (Língua Brasileira de Sinais) para os alunos surdos.

Para mais informações acesse http://portaleducacao.guarulhos.sp.gov.br/.


 



Assuntos Relacionados

Educação


Outras Notícias