Mulheres no cinema é tema do Seminário Audiovisual desta sexta-feira



Por Carla Maio
Publicado em 22/07/2020

66 visualizações

O Seminário Audiovisual que acontece nesta sexta-feira (24), às 20h, aborda a presença marcante das mulheres na linguagem cinematográfica. Iniciativa da Prefeitura de Guarulhos por meio da Secretaria de Cultura, o seminário tem por objetivo promover encontros online com empresários, produtores e artistas de todo o Brasil para discutir os avanços da política pública da atividade audiovisual na cidade. Os encontros são transmitidos pela fanpage da Guarulhos Film Commission no Facebook, disponível no link https://www.facebook.com/grufilmcommission/.

Para manter o diálogo sobre o Plano Municipal de Cultura e novos meios para o audiovisual e geração de renda, o mediador Tico Barreto convida a artista guarulhense Beatriz Reis e a diretora, montadora e fotógrafa Tatiana Lohmann.

Sobre as convidadas

Beatriz Reis é formada pela Escola Livre de Atores, estudou na escola superior de artes Célia Helena, fazendo o curso profissionalizante de artes cênicas, e tem uma trajetória de 14 anos de experiência artística na cidade de Guarulhos e em São Paulo. Aos 15 anos, começou a estudar cinema com Tico Barreto no projeto Cinema do Coração, sobre a técnica Maisner. Participou de diversos curtas-metragens independentes e realizou seu meu primeiro roteiro de teatro O Jogo Vira, estreado no Teatro Augusta, em 2019, atuando no grupo como atriz, produtora e diretora.

Beatriz tem participações na série Carcereiros, da Rede Globo, no longa-metragem A Força de um Sorriso, direção Rafael Almeida, e tem diversas audições cinematográfica para séries de TV como Segunda ChamadaSintonia, da Netflix.

Tatiana Lohmann realizou curtas, longas e séries de TV na MTV, TV Cultura, Nat Geo e TV Brasil. Dirigiu Solidão & Fé (2010), Prêmio do Júri Popular na Mostra de Cinema de Tiradentes; A Vida Começa (2014) e Crônicas NÃO Ditas (2015), séries de ficção do Canal Curta!; Todas as Manhãs do Mundo (2017), em codireção com Lawrence Wahba); SLAM: Voz De Levante (2017), em codireção com Roberta Estrela D'Alva, Prêmio Especial do Júri e Melhor Direção de Documentário, no Festival do Rio e Melhor Filme Nacional no FIMCINE 2018. Em 2019, finalizou Minha Fortaleza, os filhos de fulano, documentário de longa metragem realizado com recursos do BNDES e do Prêmio AVON/FAMA para mulheres cineastas e o curta VIVXS, com Roberta Estrela D’Alva e o multiartista norte-americano Saul Williams, com apoio da Ford Foundation. 

Atualmente, finaliza a instalação Falares, para o Museu da Língua Portuguesa, projeto documental de grande porte que vai integrar o acervo fixo da instituição.

Serviço

Seminário Audiovisual

Tema: Mulheres no Cinema, com Tatiana Lohmann e Beatriz Reis

Data: sexta-feira, 24 de julho

Horário: 20h

Acesso pela internet em https://www.facebook.com/grufilmcommission/




Assuntos Relacionados

Cultura


Outras Notícias