Semana Mundial do Brincar 2022

Vamos brincar de:

OBJETO SECRETO

Um participante segura um objeto (xícara, colher de pau, controle remoto, escova de dente, caneta…) em sua mão ou em seu colo, sem que os outros possam vê-lo, envolvido por um pano. O grupo vai fazendo perguntas ( ex.:É objeto de cozinha? Serve para por líquido? etc) em que o participante possa responder apenas Sim ou Não, até que alguém adivinhe qual é esse objeto. Quem acertar, conduzirá a brincadeira, sendo sua vez de esconder o objeto.


QUAL É A HISTÓRIA ?

O condutor da brincadeira vai citar alguns elementos que fazem parte da história e o grupo deverá adivinhar qual é a história. Quem acertar o nome, será o próximo condutor ou ganhará aplausos do grupo. Exemplos:
1 – anã, maçã, bruxa, floresta, princesa e mina;
2 – floresta, crianças, doces, bruxa, país, casinha;
3 – carpinteiro, mar, escola, crianças, baleia, boneco, circo;
4 – biblioteca, rosa, xícara, valsa, relógio, bule


HISTÓRIA SONORIZADA

O professor vai contando uma história e fazendo as pausas para que a criança sonorize, utilizando a voz, os movimentos com o corpo e objetos…criando os sons correspondentes.


OLHA QUEM ESTÁ FALTANDO

Numa superfície que todos possam ver, colocar de 5 a 10 objetos (dependendo da faixa etária dos participantes), dar um minuto para que possam olhar e memorizar, depois cobrir com um pano grande e retirar um discretamente, sem que possam ver qual foi tirado. Descobrir e verificar quem acerta primeiro o que foi retirado.


STOP

Cada criança pega uma folha de papel e coloca 5 colunas ou mais, dependendo da faixa etária ou opção do grupo.
Exemplos para a coluna: nome, cor, flor, fruta, cidade, país, animal.
A cada rodada, um participante escolhe uma letra. Quem preencher primeiro todos os campos com uma palavra para cada coluna, começando com a letra determinada, deve dizer STOP e todos os outros param de escrever. A cada resposta igual, os participantes levam 5 pontos. Se forem diferentes, 10 pontos. E se os outros não tiverem colocado nada, 15 pontos.


LÁ VAI UMA BARQUINHA

Os participantes combinam previamente o que vão carregar na barca: frutas, flores, animais…entre outros. Se por exemplo, escolherem levar animais, o primeiro participante diz movimentando as mãos para frente e para trás : “Lá vai uma barquinha levando peixes…” o segundo participante diz Lá vai uma barquinha levando peixes e passarinhos… o seguinte vai dizer: “Lá vai uma barquinha levando peixes, passarinhos e … a brincadeira segue de forma  acumulativa.


BRINCADEIRA CANTADA

Tchutchuá é uma dança legal,
Polegar para a frente!
Cotovelos para trás!
Joelhinho dobrado!
Perninha para dentro!
Pescocinho quebrado!
A linguinha de fora!
Tchutchuá é uma dança legal


BRINCANDO DE CARETAS

O brincar de caras e bocas as crianças fazem caretas, imitam as pessoas e exploram diversas expressões.
A auto-descoberta é uma exploração sensorial relacionada ao desenvolvimento psicológico, essencial para que a criança se perceba indivíduo e autônomo. https://www.tempojunto.com/2021/04/30/10-brincadeiras-legais-para-fazer-em-casa/


FESTA DO PIJAMA NA SALA

Aqui é o lugar onde todo mundo se encontra, né? Mas a televisão não precisa ser a protagonista do espaço o tempo todo. Se brincar de cabaninha já é legal, imagina usar o sofá e algumas cadeiras para montar a melhor cabaninha de todas e passar a noite nessa “casa dentro da casa”? Com o conforto do travesseiro, cobertores e os brinquedos preferidos, rola até providenciar uma festa do pijama! Para os pequenos aventureiros, usar as almofadas para se proteger dos impactos de um cabo de guerra pode expirar a energia acumulada! Todo mundo pode também entrar na dança: imagina que divertido pais e filhos fazendo juntos as coreografias das suas músicas favoritas? https://lunetas.com.br/brincar-em-casa-sugestoes-simples-de-como-explorar-cada-comodo/


CORRIDA DE TAMPINHAS

Desenha-se um caminho no chão, que será a pista de corrida. Ela pode ter retas e curvas alternadas, marcando diferentes graus de dificuldade do jogo. Os participantes colocam suas tampinhas num mesmo ponto de partida. A cada jogada, cada um dá um toque, de leve, com o dedo (“peteleco”) para movimentar a tampinha, que não pode sair do caminho ou encostar na linha. Se isso acontecer, a tampinha volta para onde estava no início da jogada e o jogador perde a vez. O primeiro a fazer sua tampinha terminar o caminho, vence. http://aliancapelainfancia.org.br/wp-content/uploads/2020/05/Guia-de-Brincadeiras-SMB-2020-portugues.pdf


MÍMICA

Em uma videochamada (ou por envio de vídeos curtos) pelo celular ou computador, fazer mímica para a pessoa que está do outro lado da telinha adivinhar. É possível escolher uma temática (animais, alimentos, músicas, etc.). Em um encontro síncrono (imediato), pode-se dividir em 2 ou mais grupos, e o grupo que mais acertar as mímicas dos outros, vence.




DESCUBRA O SOM

Imitar sons para que a pessoa que está do outro lado da telinha identifique. É possível também escolher uma temática (objetos, animais,etc.). Em um encontro síncrono, pode-se dividir em 2 ou mais grupos, e o grupo que mais acertar os sons dos outros, vence.


QUAL É O FILME

Envie emojis que se identifiquem com o título de filmes para que os participantes do grupo descubram seus nomes.