Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


Conselho Participativo da EPG Visconde de Sabugosa discute avanços na formação dos alunos



Por Danielle Andrade
Publicado em 23/09/2022
Editado em 26/09/2022, às 11:31

408 visualizações

Nesta semana a EPG Visconde de Sabugosa, em Cumbica, promoveu uma reunião do Conselho Participativo de Classe e Ciclo com a comunidade escolar referente ao 3º bimestre do ano letivo. O encontro contou com a participação do Programa Saúde na Escola (PSE) e do Conselho Tutelar de Cumbica, entre outros representantes que somaram esforços na execução conjunta de ações que beneficiam o desenvolvimento integral dos estudantes.

A equipe escolar refletiu sobre as necessidades da escola, elencadas a partir da observação e das avaliações realizadas, após as quais surgiram os temas que mereciam atenção especial, entre eles a infrequência, a saúde da criança, os conflitos e a indisciplina na escola. Por meio do diálogo com os professores, a diretora Luciene Ferreira da Silva focou nas soluções para alcançar o sucesso das ações a fim de garantir os direitos dos alunos.

“Já realizamos diversas ações importantes na escola com intuito de minimizar os impactos, bem como atender da melhor forma os alunos, e acreditamos que a parceria com outros setores poderia nos fornecer subsídios para darmos continuidade a esse processo”, destacou sobre o trabalho articulado entre as pessoas e as instituições para o bem da comunidade.

O movimento aconteceu de maneira democrática, ouvindo comunidade, escola, equipe e responsáveis pelos alunos junto aos representantes do Conselho Tutelar da região de Cumbica Jonatas Macena e Michele Abranches e à psicóloga e gerente da UBS Cummins, Eliane Soares de Souza Menino. Em cada sala havia um tema, questões para reflexão e propostas de resolução das necessidades apresentadas.


Saúde e educação

A parceria com o Programa Saúde na Escola foi de grande importância durante o Conselho Participativo. O programa objetiva contribuir para a formação integral dos estudantes por meio de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde, com vista ao enfrentamento das vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino. 

Entre as ações da escola houve destaque para o início de diálogo sobre a cultura de paz, fomentando o trabalho com a comunicação não violenta para a resolução de conflitos entre os alunos com o apoio da coordenadora do PSE, Vanessa Andrade Diniz de Oliveira, além da presença da psicóloga Arlete Rogado Stradioti, do Núcleo de Apoio à Vida, que abordou delicadamente a cultura de paz junto às famílias e à equipe escolar.

“Há quem possa pensar que uma cultura de paz elimina a existência de conflitos e divergências nas sociedades. Pelo contrário, o conflito é um componente das relações humanas e dos contextos democráticos e plurais, cuja resposta não deve ser a violência. Compreendê-lo de uma forma positiva resulta na abertura a novas formas de pensar e aprender e em oportunidades de transformação. São variadas as formas para construir a cultura de paz, em um processo que envolve aprender com as diferenças, expandir conhecimentos, trocar experiências e estabelecer compromissos”, relatou a vice-diretora da EPG Visconde de Sabugosa, Priscila Nascimento.

Após o momento de plenária e compartilhamento das discussões, os participantes fizeram suas contribuições e receberem orientações dos setores convidados. “Achei a iniciativa bacana ao abordar vários temas de nosso cotidiano e nos dar o direito de falar e debater juntos o melhor caminho para os nossos pequenos. Foram temas bem interessantes e ficamos por dentro de tudo o que acontece na escola. Assim, estamos mais seguros. Só tenho a agradecer por essa parceria. Parabéns a todos, diretora, vice-diretora e professores, enfim, todos os envolvidos, principalmente por cuidarem tão bem de nossas crianças”, disse Claudia Luana Leite de Souza, mãe da aluna Anny Lavinia de Souza Oliveira.


 

Galeria




Outras Notícias