Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


Brazilianbrass anima público no CMIL Luís de Camões



Por Carla Maio
Publicado em 08/03/2018
Editado em 13/01/2020, às 15:35

393 visualizações

O Projeto Literalmente Isso espalhou mais uma sementinha de cultura e aprendizagem na tarde da última quarta-feira (7) com a apresentação do grupo de metais e percussão Brazilianbrass no Centro Municipal de Incentivo à Leitura Luís de Camões. Um público modesto, mas extremamente animado, com cerca de 40 participantes, vibrou com o repertório do grupo, regado a canções dos anos 70, 80 e 90, como “Let go”, “Uptown Funk”, “Havai 5.0”, “Happy”, “Triller”, entre outras.

Iniciativa da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secel), a apresentação integra a programação de atividades do Projeto Literalmente Isso, que busca a valorização de bibliotecas e centros de incentivo à leitura da cidade, espaços nos quais os munícipes são convidados a ler, dialogar, refletir, se atualizar e multiplicar conhecimentos.

Despertando a curiosidade de seus alunos

Essa não foi a primeira vez que Erica Aparecida dos Santos Rodrigues, de 37 anos, professora de História da EE Professor Ennio Chiesa levou seus alunos do Ensino Fundamental para participar de atividades no CMIL Luís de Camões. Erica conta que, no ano passado, eles assistiram a uma apresentação sobre Folclore.

“Esse Projeto é muito importante, principalmente para a comunidade carente que muitas vezes não tem acesso à cultura, ou mesmo de conhecer um instrumento de sopro, percussão, mostrar que isso serve para eles também, despertar esse gosto pela música, ampliar horizontes e sair do senso comum de gêneros musicais cansativos e repetitivos”, comemora a docente.

Erica enfatiza ainda seu compromisso em despertar a curiosidade de seus alunos, oferecendo oportunidades para que ampliem seu repertório cultural, e que isso pode se dar em inúmeros espaços, como por exemplo, a biblioteca, que além de continuar a existir, cumpre importante papel no aprendizado das pessoas, um lugar onde é possível desenvolver diferentes formas de aprender.

Um lugar repleto de descobertas 

Materiais diferenciados, coloridos, com qualidade e disponíveis para que as pessoas possam manuseá-los, despertando sua curiosidade para o livro físico. Na tarde desta quarta-feira, brilhou aos olhos a circulação de jovens entre 13 e 15 anos pelo CMIL Luis de Camões, mostrando que as novas gerações podem se surpreender com tudo o que encontram numa corriqueira visita ao espaço. 
A aluna do 9º ano, Isabella, de 14 anos, também ficou surpresa em conhecer a música do Brazilianbrass: “Vou indicar o trabalho desse grupo para uma amiga que quer aprender a tocar saxofone”. Sobre os livros, Isabella encontrou uma vastidão de temas de seu interesse, de notícias sobre os youtubers do momento a livros de Biologia. “Vou fazer meu cadastro, achei o espaço bem amplo, melhor do que ficar só na escola, então eu recomendo para quem quiser vir conhecer”. 
 




Outras Notícias