Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


EPG Vicente Ferreira apresenta sarau de poesias no Festival Literário



Por Danielle Andrade
Publicado em 17/04/2019
Editado em 09/01/2020, às 13:51

609 visualizações

A EPG Vicente Ferreira Silveira, localizada na região do bairro dos Pimentas, promoveu na última semana atividades que integram a programação do Festival Literário “Literalmente Isso. Dentre as atividades, tiveram destaque sarau de poesias com os alunos, apresentação dos professores e exposição de trabalhos. O Festival “Literalmente Isso...” acontece durante todo o mês de abril, envolvendo diversas ações de estímulo à leitura. 

Com grande variedade de poesias, o sarau destacou a iniciativa da professora Leticia Ferreira dos Santos Kalaf, que ao explorar em sala de aula as poesias de Vinicius de Moraes, chamou a atenção dos alunos para o parque da escola, onde juntos puderam observar borboletas, em um dos estágios mais incríveis do seu desenvolvimento: a metamorfose.

Por meio de vídeos e fotos, a professora apresentou a transformação da lagarta em borboleta. A turma capturou algumas lagartas, colocaram-nas em potes e as alimentaram para que pudessem observar sua transformação. As lagartas também receberam os nomes de Sophia, Brigthy e Arabela.

“As crianças foram acompanhando a maneira de vida das lagartas, sua alimentação e sua transformação, que nesse estágio já se tornou puba, e agora todos estão ansiosos a espera de uma linda borboleta”, conta a professora Leticia Kalaf, sobre o estágio imóvel na fase de lagarta, que pode durar de uma a três semanas para formação de uma borboleta, dependendo da espécie.

Explorando a natureza

Já a turma da professora Eliane Gomes Baltazar, se encantou com um poema infantil “Leilão de Jardim”, da escritora Cecilia Meireles, no século XX. “Percebi o interesse das crianças pelos bichos na hora em que estávamos no parque, por isso aproveitei o momento para explorar os espaços da escola à procura de bichinhos, identificando-os e conhecendo algumas espécies novas”, explicou a professora Eliane Baltazar. 

No encerramento do sarau de poesias, as professoras apresentaram para os alunos a dramatização das poesias “Bailarina” e “As meninas”, de Cecilia Meireles, e “Pessoas são diferentes”, de Ruth Rocha. Durante a apresentação, as crianças ficaram bastante atentas e se divertiram com a encenação das professoras. 

O evento contou ainda com a exposição das atividades desenvolvidas pelos demais professores, para a apreciação dos pais. Dentre as poesias abordadas durante o sarau também estavam “Peixe vivo”, “A casa”, “A casa e seu dono”, “A flor amarela”, “Os dias da semana”, entre outras.


 




Outras Notícias