Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


História da Arte e Cultura são temas de seminário no Adamastor Centro



Por Carla Maio
Publicado em 19/08/2019
Editado em 15/01/2020, às 17:03

347 visualizações

Um ciclo de debates com pesquisadores e artistas com o objetivo de registrar e difundir as diversas narrativas e pontos de vista que formam a Cultura guarulhense. Nos dias 24 e 31 de agosto, sábado, às 15h, a Prefeitura de Guarulhos, por meio da Secretaria de Cultura, promove o Seminário “História(s) da Arte e Cultura em Guarulhos”, no Arquivo Histórico Municipal, que fica no Adamastor Centro. O Seminário é gratuito e aberto ao público em geral.

No dia 24, os participantes se reúnem na Mesa “Arte como poética e política”, sob mediação do cinegrafista e servidor André Okuma.  Durante o encontro, Alexandre Vilas Boas (UNESP / Coletivo 308), Juliano Lourenço (UNIFESP) e Will Carbônica (Projeto CLAM) se debruçam sobre os movimentos artísticos independentes, modos de organização, produção artística e recepção dentro da cidade. 

Já no dia 31, Marina Pinto, presidente do Conselho Municipal de Política Cultural, recebe os pesquisadores Valmir de Souza (Instituto Pólis), Fernanda Matos (UNIFESP) e Tiago Guerra (AAPAH), reunidos na Mesa “Cultura como Território e Memória”, na qual debatem sobre o imaginário cultural sob a perspectiva do território e as características que permeiam a formação social de Guarulhos e sua possível identidade cultural da cidade.

Sobre os Convidados

Alexandre Vilas Boas é professor universitário e doutorando em Processos Artísticos pela UNESP e integrante do Coletivo 308, um dos mais importantes de Guarulhos, é também um dos idealizadores da BIG – Bienal Internacional de Guarulhos do Pequeno Formato.

Juliano Lourenço é produtor cultural e um dos organizadores do Sarau Carolina um dos mais importantes espaços de poesia e cultura de Guarulhos na última década, poeta, publico o livro “Desejos emoldurados com selvageria e vinho”. É graduado em Letras pela UNIFESP, na academia pesquisou sobre os poetas guarulhenses que frequentam saraus e slam da cidade. 

Will Carbônica é músico e integrante das bandas Carbônica e João Perreka e os Alambiques, idealizador do Projeto CLAM, importante coletivo de músicos de Guarulhos, na última década realizou diversas ações culturais independentes na cidade, através do fundo de cultura produziu a revista CLAM que contava algumas histórias do rock em Guarulhos.

Valmir de Souza é professor, ensaísta, pesquisador de políticas culturais, doutor em Teoria Literária (USP) e Pós-doutor em Políticas Públicas de Cultura (EACH/USP). Associado ao Instituto Pólis e ao Sinpro-Guarulhos.

Fernanda Matos é mestre em Ciências Sociais pela UNIFESP e fez parte do projeto “Pimentas nos olhos” de antropologia visual e audiovisual realizado no bairro dos Pimentas, sua pesquisa acadêmica se debruçou nos movimentos culturais e artistas desta região periférica de Guarulhos

Tiago Guerra é mestre em história, membro da AAPAH Associação Amigos do Patrimônio e Arquivo Histórico e professor na rede municipal de Guarulhos. Guerra publicou diversos livros de artigos relacionados a história de Guarulhos como o livro “Cecap Guarulhos: histórias, identidades e memórias”.

Serviço:

Seminário “História(s) da Arte e Cultura em Guarulhos”
Data: 24 e 31 de agosto
Horário: sábados, às 15h
Local: Arquivo Histórico Municipal de Guarulhos 
Av. Monteiro Lobato, 734 – Macedo (Adamastor Centro)
Entrada gratuita
Classificação livre
 




Outras Notícias