Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


Estreia das orquestras de Guarulhos no Teatro Padre Bento é marcada por aplausos fervorosos



Por Carla Maio
Publicado em 02/05/2022

291 visualizações


As Quatro Canções, espetáculo de estreia da nova sede das orquestras de Guarulhos com obras-primas de Heitor Villa-Lobos e Richard Strauss que aconteceu no último domingo (1º), no Teatro Padre Bento, foi marcado por aplausos fervorosos do público cativo. A chegada dos instrumentistas da Gru Sinfônica e Orquestra Jovem à nova casa se deu pela entrada principal da plateia, tradição no meio sinfônico quando um espaço se torna referência para um conjunto orquestral.

O prefeito Guti, o vice-prefeito e secretário de Cultura, Professor Jesus, e o diretor de eventos culturais, Cesar Samsoniuk, prestigiaram o espetáculo de estreia da nova sede, reafirmando o compromisso da gestão com a conservação do Teatro Padre Bento, importante patrimônio histórico e cultural da cidade.

 “Vocês são motivo de muito orgulho para os guarulhenses, produto tipo exportação de nossa cidade, temos satisfação em ver o quanto se dedicam ao repertório assim como ao ensino de musicalização infantil nas escolas, e o resultado não poderia ser diferente, vem em forma de reconhecimento de um trabalho feito com primazia e tamanha perfeição”, disse Guti ao enfatizar a importância nacional e valor das orquestras da cidade.

Além das orquestras, o complexo do Teatro Padre Bento também vai abrigar o corpo artístico da Banda Sinfônica Municipal de Guarulhos, coordenada pelo maestro Marcelo Mendonça, e a Roda de Choro do Samuka, coordenada pelo professor JG, também vão utilizar o espaço para ensaios, apresentações e pockets.

“A decisão de trazer as orquestras para esse espaço objetiva impulsionar as atividades artísticas e musicais em regiões descentralizadas. O Padre Bento é um teatro histórico, sua intensa utilização vai nos permitir fazer melhorias e revitalizações para receber o público cada vez melhor”, comemorou o professor Jesus.

O concerto


Nesse espetáculo da série Convidados Especiais, as orquestras da cidade trouxeram a soprano Tati Helene ao palco para interpretar o ciclo das Quatro últimas canções, peças do alemão Strauss compostas em 1948, e as canções de A Floresta do Amazonas, do brasileiro Villa-Lobos.

“A apresentação desse espetáculo com a combinação das obras de Strauss e Villa-Lobos oferece ao público um novo panorama para essas produções, um encontro marcado por obras de dois grandes compositores do século XX, escritas numa mesma época e interpretadas por uma solista”, observou o maestro Emiliano Patarra, regente das orquestras.

A abertura com As Quatro Últimas Canções, peça de Strauss, mostrou ao público obras escritas na perspectiva de uma despedida. Aos 84 anos, já no fim da vida, Strauss se debruça sob composições leves e cheias de musicalidade, que evocam a beleza dos apetrechos sonoros, dados tanto pelos instrumentos da orquestra quanto pela profundidade vocal alcançada pela soprano. 

As Quatro Últimas Canções foram compostas em 1948 e estão entre as últimas peças de Richard Strauss. O compositor não viveu para ouvir sua obra apresentada e, poucos anos após sua morte, tais canções já haviam se tornado umas das mais famosas peças do repertório lírico.


Com as composições da suíte A Floresta do Amazonas, a ambientação do teatro torna-se festiva e calorosa, e é invadida por sonoridades brasileiras, bastante conhecidas e alinhadas ao gosto popular, muito embora a obra esteja completamente permeada com o trato sinfônico.

Composta em 1958, A Floresta do Amazonas também foi uma das últimas composições de Villa-Lobos. A peça foi comissionada pela Metro Goldwin Mayer para a trilha sonora do filme Green Mansions (A Flor que não morreu), de Mel Ferrer e estrelado por Audrey Hepburn e Anthony Perkins.

No dia 29 de maio, às 17h, a Orquestra Jovem Municipal de Guarulhos volta ao Teatro Padre Bento para concerto da série Nossa Gente, e convida ao palco artistas guarulhenses e suas obras, o cantor e compositor Victor Cali e o grupo As Despejadas. 

Para saber mais sobre a temporada 2022 das orquestras de Guarulhos, acesse https://orquestrasdeguarulhos.com/.




Assuntos Relacionados

Cultura


Outras Notícias