Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


Rotina da EPG Almir Nogueira contribui para o desenvolvimento das crianças da educação infantil



Por Danielle Andrade
Publicado em 24/04/2023
Editado em 27/04/2023, às 11:37

1872 visualizações

Uma escola pautada pelos princípios de uma vivência com afeto, companheirismo e solidariedade. Esta é a EPG Almir Nogueira, na Vila Branca, unidade que atende cerca de 420 alunos da educação infantil em período integral. Todas as atividades são voltadas ao pleno desenvolvimento motor, cognitivo, intelectual e social da criança ao conviver, observar e interagir com o mundo a sua volta.

Na parede do pátio da escola, por meio de fotografias, os pais podem visualizar a linha do tempo das crianças durante o tempo em que elas permanecem na escola.

“A atividade de que a criança participa no período da manhã não é a mesma da tarde. Tudo acontece de forma dinâmica para que o aluno tenha prazer em aprender, vivenciando diferentes atividades. Dessa forma, ao apresentar as fotos, os pais compreendem melhor o que as crianças fazem na escola”, explica a diretora da EPG, Leticia Lins.

As crianças chegam animadas para vivenciar novas experiências, o momento de acolhimento das turmas com seus professores, a hora do café da manhã, as atividades de vida diária e as brincadeiras ao ar livre. Os professores trabalham os campos de experiência na prática ao explorar os espaços, tempos, quantidades, relações e transformações, que são atividades ligadas à matemática na fase da educação infantil, e em seguida vão ao parquinho da escola.

Os educandos ainda desenvolvem a sensibilidade artística, a criatividade e a expressividade nas atividades, em que utilizam traços, sons, cores e formas. Na sequência participam dos demais momentos: almoço, relaxamento, cantinho da leitura, café da tarde, atividades com o corpo, gestos e movimentos, roda da história, jantar, higiene, experiências e aprendizagens diversas.

O encerramento do dia conta com atividades de escuta, fala, pensamento e imaginação, que aproximam a criança da linguagem verbal, além do momento reservado à tecnologia com o uso de netbooks.  

Tatiane Rute Elpidio, mãe dos alunos Enzo, Kiara e Sofia, contou como tem sido a adaptação dos filhos à nova escola, inaugurada neste ano. “Meus filhos vêm se desenvolvendo cada dia mais, eles têm aprendido bastante, estão mais obedientes e com autonomia. Assim que entrou na escola, o Enzo, de três anos, conseguiu se comunicar melhor e sair das fraldas e a Kiara também. Todos eles participam das atividades da escola, entendem como funciona a rotina diária e adquirem melhores hábitos. Essa escola foi a melhor coisa que aconteceu para as famílias do bairro”.

Espaços educativos

O ambiente acolhedor faz toda a diferença para o crescimento e o desenvolvimento dos valores e princípios na vida da criança, uma fase de descobertas, companheirismo e conhecimento.

A EPG Almir Nogueira tem um espaço físico adequado, amplo e confortável aos educandos do berçário, do maternal e do estágio, o que colabora significativamente para as atividades educativas diversificadas no contraturno das aulas. Durante as atividades nas áreas externas os alunos ficam descalços na grama, pisam na terra, aproximam-se da natureza, o que significa mais uma oportunidade de brincar, desafiar o corpo e sentir o calor do sol, experiências essenciais para o desenvolvimento integral das crianças.

É na educação infantil que os pequenos compreendem gradativamente o funcionamento do seu próprio corpo. A criança enquanto brinca exerce seu processo de aprendizagem, como experimentar, fazer deduções, interpretar os acontecimentos e tomar decisões. “Estou muito feliz ao ver minha filha estudando nesta escola. Ela está adorando, mesmo sendo um momento de adaptação à nova rotina. A equipe escolar está de parabéns pelo trabalho desenvolvido com as nossas crianças”, relatou outra mãe, Elisangela Souza.

Conselho Participativo de Classe e Ciclo

No próximo dia 28 de abril acontece o Conselho Participativo de Classe e Ciclo na unidade, ação para um diálogo mais profundo com todos os professores e a comunidade escolar no bimestre.

“Nossa proposta é conhecer ainda mais cada profissional, permitir que o professor tenha voz, trocar ideias, além de observar melhor a realidade do nosso bairro, da nossa comunidade, e a partir disso construir uma proposta pedagógica trazendo-a para o contexto do período integral, no qual o professor precisa dar continuidade às aprendizagens ao longo do dia”, explica a coordenadora pedagógica da EPG Almir Nogueira, Gisele Evaristo, sobre a importância do trabalho em conjunto e uma comunicação efetiva.



 

Galeria




Outras Notícias