Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


Vozes da Rede aborda projeto com foco no processo de alfabetização de falantes de língua espanhola



Por Carla Maio
Publicado em 01/11/2023
Editado em 13/11/2023, às 8:43

910 visualizações


O podcast Vozes da Rede chega a 12ª edição com temática do Módulo 5 – Unidade 3 - Diálogos sobre interculturalidade e processos de aprendizagem, do curso Caminhos e Possibilidades para a Educação Inclusiva, oferecido pela Secretaria de Educação aos professores da rede municipal, por meio do Programa de Formação Permanente.

A nova edição conta com as participações de Claudia Lucena, Psicóloga Escolar da Divisão Técnica de Políticas para Diversidade e Inclusão Educacional da Secretaria de Educação, Prof.ª Dr.ª Greice de Nóbrega e Sousa, professora adjunta da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Unifesp, e Marcelo Gercino, mestrando do curso de Letras da Unifesp.

O bate-papo abordou as ações do Projeto Lumi, que teve início em setembro, na EPG Dorival Caymmi, na Vila Any, unidade escolar que comporta grande quantidade de educandos falantes de língua espanhola, oriundos de países como Bolívia, Paraguai e Venezuela.

Em um contexto de políticas de inclusão de refugiados em Guarulhos, o projeto Lumi insere-se como valiosa ferramenta para a observação do acirramento de fluxos migratórios, por exemplo, uma nova realidade que se se tornou cotidiana no país.

“À medida que as demandas da sociedade aumentam, as políticas públicas avançam; porém, com essa constância e aumento da demanda, é necessário entender onde é preciso atuar com mais foco. Nesse momento crucial, em que olhamos para nossos currículos de formação inicial e continuada de professores, sobretudo dos profissionais que já estão nas escolas recebendo esses alunos, o desafio que se impõe é o apoio de políticas públicas que consigam dar sustentação para recepção, acolhimento e inclusão dessa população”, explica a Prof.ª Dr.ª da Unifesp.

Nesse sentido, o projeto Lumi dialoga com outros projetos, dentre os quais o MemoRef, idealizado e coordenado por estudantes da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Unifesp, e o Projeto Pertencer, do Instituto Federal, parcerias valiosas para a integração ações diversificadas em diferentes frentes, sobretudo na formação inicial de professores, com bases teóricas decoloniais, interculturais e antirracistas.

Para a superação de desafios que apontam a questão da língua vista como barreira para a inclusão, a rede municipal de Guarulhos fomentou pesquisa realizada no ano passado, sobre as reais condições e possibilidades de trabalho nas escolas municipais. Conforme apontado pela pesquisa, a comunicação se apresenta como o grande desafio, uma barreira a ser transposta.

“Estamos no caminho de reverter a lógica de que eles são “os estranhos” ou “de quem chega precisa se adaptar ao que está posto”, e trazer a perspectiva de que aprendemos com eles, que isso é riqueza e processo de ampliação do que somos enquanto sociedade, principalmente no campo da Educação”, observa Cláudia Lucena.

Na EPG Dorival Caymmi, o projeto Lumi evidencia o protagonismo da escola, a partir das experiências, construções possíveis de propostas educativas e interculturais. 

“O processo de alfabetização apresenta uma dificuldade natural, principalmente para os falantes de língua portuguesa como língua materna. Numa situação de imigração, algumas condições se agravam ainda mais, realidade que, ao observamos o conteúdo fonético, o estudo dos sons e o conteúdo fonológico. Nesse sentido, é desejável que o professor tenha conhecimento básico de ambas as línguas, para que seja possível fazer a transposição da fala para a escrita, a alfabetização propriamente dita”, aponta Marcelo Gercino. 

O mestrando pontua ainda que, antes do início desse processo, algumas atitudes precisam ser desconstruídas, sobretudo uma visão de língua que seja impositiva ou que silencie o estudante. 

Clique aqui para ouvir o 12º episódio do podcast Vozes da Rede do Portal SE, que também está disponível nas principais plataformas de streaming de áudio como Spotify e Google Podcasts.


Vozes da Rede

O Podcast Vozes da Rede é uma iniciativa do Departamento de Orientações Educacionais e Pedagógicas (DOEP) em parceria com a Divisão Técnica de Comunicação da Educação. O programa tem como objetivo valorizar as experiências e saberes dos profissionais da rede municipal de Guarulhos.  

É um espaço aberto à troca de experiências e aprofundamento de temas que impactam na qualidade da educação pública, gerando conteúdo, não só para os especialistas da área, como também para todos que têm interesse na construção de uma educação que promova o desenvolvimento pleno das crianças, jovens e adultos.



Assuntos Relacionados

Currículo Educação Vozes da Rede


Outras Notícias