Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


Encontro com casas de acolhimento de afegãos tem como foco atendimento de alunos da rede municipal



Por Carla Maio
Publicado em 23/01/2024
Editado em 23/01/2024, às 14:17

595 visualizações


O acolhimento, adaptação e atendimento de 29 alunos afegãos, realizado nas escolas da rede própria e rede parceira, foi um dos temas abordados na última sexta-feira (19), durante encontro que aconteceu na Secretaria de Educação com os coordenadores dos centros de acolhimento da cidade. 

O encontro, coordenado pela equipe da Seção Técnica de Ações Educativas para Igualdade Racial e de Gênero do DOEP (Departamento de Orientações Educacionais e Pedagógicas), objetivou ainda o estreitamento e interação entre as casas de acolhimento e a SE.

Os participantes se debruçaram sobre atividades desenvolvidas nas casas. Vanessa Pimenta, coordenadora da Casa de Acolhimento Todos Irmãos, fez uma apresentação com informações sobre a cultura afegã, falou de seus hábitos e trouxe abordagens em relação ao trabalho de acolhimento. 

O encontro contou ainda com a participação do advogado Marlon Lelis de Oliveira, coordenador do Núcleo de Defesa da Criança e do Adolescente, Comissão de Direitos Humanos da OAB Guarulhos. Participaram ainda coordenadores da Residência para Migrantes e Refugiados Terra Nova Guarulhos, Casa de Acolhimento Transitório para pessoas Migrantes e Refugiados Povos Fraternos e Acolhimento Cemeando.

Em meio aos desdobramentos do encontro, o grupo vislumbrou a possibilidade de possíveis parcerias com a sociedade civil e a realização de um Fórum de Migração em Guarulhos. Além disso, o grupo também abordou a necessidade de parcerias com as Diretorias de Ensino Norte e Sul da rede estadual, considerando que há jovens que estão no Ensino Fundamental II e Ensino Médio nas casas de acolhimento.

Na rede municipal, os 29 alunos afegãos são atendidos nas EPGs Amélia Duarte, Barbara Andrade Tenório, Zélia Gattai, César Lattes, Casimiro de Abreu, Dolores Gilabel Hernandes Pompeo e IGEVE – Instituto de Gestão Educacional e Valorização do Ensino, Escola Batuíra.


Galeria



Assuntos Relacionados

Educação


Outras Notícias