Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


Acolhimento marca volta às aulas nas EPGs e Heraldo Evans e Almir Nogueira



Por Natália Teixeira
Publicado em 09/02/2024
Editado em 09/02/2024, às 17:03

292 visualizações


Na última quarta-feira (7), os alunos da rede municipal retornaram às aulas e, pensando na mistura de sentimentos, tais como expectativas, animação e, muitas vezes, insegurança, característicos do início do ano e que envolvem as crianças, as EPGs Heraldo Evans e Doutor Almir Nogueira planejaram cuidadosamente o período de acolhimento com experiências para as crianças e famílias.

Na EPG Heraldo Evans, a proposta de acolhimento teve o objetivo de proporcionar momentos de alegria, afeto, escuta e apropriação dos espaços, além cativa-los com vivências criativas e descontraídas.

“Eu gostei muito dessa escola porque ela é grande e bonita, tem quadra e lugar pra desenhar. A professora leu uma história e fez uma brincadeira de passar a lata assim: ‘passa a lata pela roda, pela roda vou passar, quem ficar com a lata uma letra vai pegar’ e eu peguei a letra C, que é a minha letra e também do Christofer, disse Carlos Eduardo, aluno do 1º ano.

Compreendendo que o ato de acolher ultrapassa os limites da recepção dos alunos, a escola propôs experiências diversificadas para envolve-los com afeto, respeito, empatia, interações e muito movimento.

De acordo com a Coordenadora da EPG, Gissa Vilela, “Acolher o aluno é importante todos os dias, mas no primeiro dia de aula é fundamental. Quando a criança se sente acolhida, ela também se sente segura, confortável e capaz de estabelecer vínculos afetivos e fortalecer relações de confiança, tanto entre eles, como entre o professor e a escola”.

E para garantir que esse primeiro dia de aula ficasse marcado na memória das crianças, foi realizada uma visita pela escola, permitindo que se familiarizassem com todos os espaços, atividades lúdicas e brincadeiras dirigidas, momentos de escuta e diálogo descontraído nas rodas de conversa, nos momentos de apresentação, onde as crianças puderam contar sobre suas preferências, expectativas, e a saudade que sentiram dos colegas.

“Nosso primeiro dia de aula foi incrível e muito especial. Conseguimos perceber nos olhares, nos gestos e em pequenos detalhes o quanto eles estavam ansiosos para voltar e o quanto se sentiram felizes por estar aqui.”, comentou Gissa.


EPG Almir Nogueira

Leituras, músicas, pintura, rodas de conversa, brincadeiras, oficinas, uma deliciosa refeição e passeio pelos espaços da escola foram algumas das atividades realizadas, que permitiram que adultos e crianças começassem a se apropriar da rotina e organização escolar.

Além de vivenciar experiências encantadoras, famílias e educandos deixaram marcas de pertencimento na escola ao customizarem a porta das salas de aula com seus traços, desenhos e intenções, além de amarrarem fitinhas na grade da escola, que já se tornaram uma marca da unidade.

Segundo Letícia Lins, diretora da EPG Almir Nogueira, as palavras impressas nessas fitas são escolhidas com o objetivo de nortear o caminho a percorrer ao longo do ano. “Sonhos, construções, possibilidades, pertencimento, integração, afetividade, experienciação e realização. As ações de acolhimento são extremamente importantes, pois oferecem experiências de apoio emocional e conforto aos educandos e familiares, tornando os vínculos afetivos mais fortes e crianças mais seguras, enquanto protagonistas”, explicou.

Já no segundo dia de acolhimento, quando as crianças permanecem na escola sem seus responsáveis, a escola planejou um momento de acolhida das famílias para o final do período.

Assim que os portões foram abertos, os passos apressados dos responsáveis até a sala de aula ficaram evidentes. Nesse momento, os familiares foram convidados a entrar, abraçar sua criança e falar sobre seus sentimentos em uma roda de conversa que terminou com leituras e cantigas em roda.

Galeria




Outras Notícias