Cookie Consent by FreePrivacyPolicy.com Portal da Secretaria de Educação de Guarulhos


Formação para agentes de apoio à inclusão aborda importância do atendimento realizado nas escolas municipais



Por Carla Maio
Publicado em 05/07/2024
Editado em 05/07/2024, às 17:10

348 visualizações

Prefeitura de Guarulhos promoveu na manhã desta sexta-feira (5) no Teatro Adamastor formação com agentes de apoio à inclusão que atuam nas unidades escolares da rede municipal. Por meio do programa Na Diferença se Faz e se Aprende, a Secretaria de Educação garante atendimento qualificado aos educandos com deficiência. Na rede municipal eles são recebidos por uma equipe multidisciplinar composta por agentes de apoio à inclusão, psicólogos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, fonoaudiólogos e fisioterapeutas, ações intersetoriais com a participação de entidades e do poder público.

“Tanto em sala de aula quanto nos demais espaços da escola os agentes auxiliam nas mais variadas atividades e desempenham funções que colaboram com a equipe de professores. Sua atuação, baseada em um atendimento acolhedor e que olha para as necessidades das nossas crianças com respeito e atenção, torna esses agentes essenciais ao desenvolvimento dos educandos com deficiência”, disse o secretário de Educação, Alex Viterale.

A atuação dos agentes de apoio à inclusão soma-se ainda ao atendimento educacional especializado oferecido pelas escolas, que rompe as barreiras da aprendizagem na materialização de uma educação humanizada e acolhedora.

Com o objetivo de potencializar o trabalho dos agentes de apoio à inclusão, o encontro contou ainda com a palestra Conversando sobre Crises Agressivas, ministrada pela chefe da Divisão de Diversidade e Inclusão de Guarulhos, Patrícia Matildes, momento no qual os participantes discutiram as formas de identificação, o manejo e o tratamento de problemas de comportamento. 

“Para além do direito constitucional de atendimento a alunos com deficiência, é preciso garantir formas de acessibilidade e recursos adequados à sua participação em sociedade”, explicou a palestrante ao enfatizar a relação entre o cuidado e o ato de ensinar. Nesse contexto, a escola é lugar privilegiado, onde tanto as crianças quanto os adultos aprendem.

Galeria




Outras Notícias